ANEAM - Associação Nacional dos Engenheiros Ambientais

06-07-2014

PESQUISA DA USP INFORMA: ENGENHARIA AMBIENTAL É A CARREIRA MAIS PROMISSORA PARA OS PRÓXIMOS ANOS Destaque

Avalie este item
(5 votos)

Uma pesquisa realizada pela USP apontou as profissões mais promissoras para os próximos anos e a Engenharia Ambiental está no topo da lista.

 

A pesquisa da Universidade de São Paulo (USP) teve como foco elencar os cursos que vão gerar mais vagas nos próximos anos.

 

O topo da lista ficou assim: 

 

 

1º lugar: Engenharia Ambiental

 

2º lugar: Relações Internacionais

 

3º lugar: Turismo

 

  

Há tempos já sabia-se que a Engenharia Ambiental seria uma área promissora, devido a tendência de redução dos impactos ambientais gerados pelos empreendimentos e o amadurecimento da visão de sustentabilidade que ocorre no país. As empresas são cobradas pela legislação ambiental a reduzir seus impactos. Isso forçou uma percepção de que, na maioria dos casos, otimizar seu processo produtivo para que ele se torne mais sustentável, também tinha um retorno econômico significativo. Então, os aspectos ambientais são considerados no tocante ao atendimento a legislação além de serem foco da certificação ambiental, fator importante para competitividade da empresa no mercado. E essa (gestão ambiental) é apenas uma das possibilidades de atuação dentro da Engenharia Ambiental. Outras áreas possíveis são:

 

* Abastecimento de água

* Análise de riscos ambientais

* Análise de ciclo de vida

* Auditorias e diagnósticos ambientais

* Avaliação de impactos ambientais

* Controle de qualidade ambiental - sistemas de monitoramento e vigilância

* Drenagem pluvial

* Economia ambiental

* Educação ambiental

* Esgotamento sanitário

* Geotecnia ambiental

* Gestão de recursos hídricos

* Gestão de recursos naturais e conservação da natureza (meio urbano e rural)

* Gerenciamento de resíduos sólidos

* Hidráulica

* Hidrologia e hidrogeologia

* Licenciamento ambiental

* Modelagem ambiental

* Ordenamento do território (uso do solo), planeamento regional e urbano

* Planejamento energético e energias renováveis

* Poluição da água, poluição do ar, poluição do solo (avaliação, modelagem, prevençào e controle)

* Remediação de áreas degradadas

* Regulamentação e normalização ambiental

* Saúde ambiental

* Sistemas de informação ambiental

* Tecnologia/Produção limpa

* Tratamento de águas residuárias e de abastecimento

 

Entretanto, vale ressaltar o comentário da Professora da UNESP - Araraquara, Maria Beatriz de Oliveira, Especialista em Orientação Vocacional. Ela diz que "o que nós temos são profissionais do futuro e não profissão do futuro", lembrando que a carreira deve ser construída pela vocação de cada um e não apenas pela alta do mercado, ou por uma ou outra pesquisa. Ela ressalta ainda que "o jovem deve procurar o que lhe interessa", se referindo ao fato de que o jovem deve monitorar as áreas que lhe interessam, que geram curiosidade. Assim, o talento poderá ser verificado com o tempo. Além disso a especialista atenta ao problema de confundir-se hobby com profissão.

 

Para ver a reportagem diretamente deste site, vá até a parte inferior da notícia. Ou clique aqui para ser direcionado à página do G1 e ver a notícia original.

 

 

Fonte: (notícia)Portal G1

 

Última modificação em Segunda, 07 Julho 2014 10:23

Mídia

Add comment


Security code
Refresh

Associação dos Engenheiros Ambientais

Top Desktop version